Aterro sanitário visa desenvolvimento sustentável no Agreste


Desenvolvimento sustentável, geração de emprego e fortalecimento da economia regional. Essas são as propostas do empresário Roberval II (Segundo Construções), com a implantação do Aterro Sanitário CTR Capibaribe no município de Passira. Previsto para ser inaugurado ainda neste segundo semestre, o empreendimento é inovador e pioneiro no Agreste Setentrional, refletindo em benefícios para região, além de contribuir significativamente para o avanço de outras atividades oriundas da reciclagem.

De acordo com o empreendedor, o aterro tem a previsão de empregar de forma direta e indireta, com 30 dias após a inauguração, cerca de 1.500 trabalhadores locais, distribuídos em diversas funções, que vão desde os serviços de pesagem e triagem de resíduos até atividades administrativas. “A mão-de-obra selecionada será prioritariamente residentes em Limoeiro e Passira, com ênfase para àqueles que já trabalhavam anteriormente no setor, de modo a atender o máximo de trabalhadores que foram impactados com o encerramento dos lixões”, explica Segundo.

Num bate-papo com a reportagem do Blog do Agreste, parafraseando Dom Hélder Câmara, ele renovou o otimismo com o empreendimento, o qual significa a realização de um sonho dele. “Um sonho, quando sonhado juntos, torna-se realidade. Tudo isto é apenas o começo do desejo em ver a região cada vez mais desenvolvida, agradecendo sempre a toda nossa equipe, que ajuda a transformar em realidade todos os nossos sonhos”, destacou. Após a conclusão, o CRT Capibaribe receberá resíduos de dezenas de municípios da região.

Por Alfredo Neto

  • Últimas Notícias

  • Vagas de Empego

  • Publicidade