Por falta de segurança moradores de Glória do Goitá vão as ruas nesta quarta


GlóriaNa próxima quarta-feira dia 22 de abril o município de Glória do Goitá irá parar, todo comercio e algumas repartições públicas irão fechar as portas das 07:00 hs da manhã ao Meio Dia. Às 07:00 hs será realizada uma passeata pelas ruas da cidade com cartazes, faixas, carro de som, pedindo segurança. A passeata segue até as PEs 040 e 050 onde serão bloqueadas com pneus e pedaços de madeira para chamar a atenção do governador Paulo Câmara.

O movimento Glória Contra a Violência foi criado na noite da última quarta-feira (15), no Auditório da Escola Dom Miguel, Centro de Glória do Goitá, por diversos segmentos da Sociedade Glória do Goitá como Igrejas, Associações, Comércios, Empresas, Ongs, Escolas e Movimentos Sociais. O movimento nasce da falta de segurança pública no município.

Nos últimos anos Glória, vem enfrentando alto índice de violência como homicídios, assaltos, furtos, arrombamentos em residências, escolas e estabelecimentos comercias e empresariais. O clima tem gerado medo e insegurança entre a população.

O município de Glória do Goitá é distribuído com a Sede, dois Distritos e um Povoado. Além da Zona Rural. São mais de 30 mil habitantes e apenas três Policias Militares numa viatura para fazer a segurança, ou seja, um policial para cada 10 mil habitantes.

  • Últimas Notícias

  • Vagas de Empego

  • Publicidade