Operação Hora Extra é realizada em Timbaúba e afasta quatro pessoas das funções públicas, entre elas o Presidente da Câmara de Vereadores


Batizada de Hora Extra a Polícia Civil realizou, na manhã de hoje (15), uma operação visando desarticular uma quadrilha, especializada no crime de peculato. Os alvos da operação é o presidente da Câmara de Vereadores, Josinaldo Barbosa (PTB), e outros três servidores da casa. 

A ação foi coordenada pela Departamento de Repressão a Corrupção e ao Crime Organizado (DRACCO). 

Nove mandados de buscas e apreensão, quatro mandados de suspensão de exercícios de funções públicas foram expedidos pela Comarca de Justiça de Timbaúba. Também houve sequestro de bens e valores. 

60 policiais civis participaram da ação. 

Os crimes estavam sendo investigados há um ano, após uma auditoria realizada pelo Tribunal de Conta do Estado de Pernambuco (TCE), que apontou irregularidades. O Ministério Público de Pernambuco (MPPE), solicitou a apuração do caso. 

Os materiais apreendidos na ação foram levados para a sede da 44ª DP, em Goiana. 

  • Últimas Notícias

  • Vagas de Empego

  • Publicidade