TCE julga irregular Gestão Fiscal da ex-prefeita de Condado

A ex-gestora não teria adotado medidas para reduzir os gastos excedentes com pessoal.


Os gastos com pessoal acima do permitido pela Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF) levaram os conselheiros da Segunda Câmara do Tribunal de Contas do Estado de Pernambuco (TCE) a rejeitar, nesta terça-feira (08), o Relatório de Gestão Fiscal, do terceiro quadrimestre de 2013, da Prefeitura da cidade de Condado.

Na época o município era administrado pela ex-prefeita, Sandra Félix (PSDB).

O relator do processo, o conselheiro Dirceu Rodolfo, votou pela reprovação do relatório, que foi seguido de forma unânime pelo colegiado.

A ex-prefeita ainda foi multada pelos conselheiros.

  • Últimas Notícias

  • Vagas de Empego

  • Publicidade

  • Black Friday