Ipespe comprova tendência de crescimento de Miguel Coelho na reta final da campanha


O candidato a governador Miguel Coelho foi o único a apresentar crescimento na pesquisa divulgada pelo Ipespe nesta terça-feira (27). Com 11% no levantamento, o ex-prefeito de Petrolina está empatado em segundo lugar com os adversários Anderson Ferreira, Danilo Cabral e Raquel Lyra. Marília Arraes segue na liderança com 35%.

Seguindo a tendência das pesquisas divulgadas na semana passada pelo Ipec e Opus, Miguel vem numa curva de crescimento na reta final da campanha. Enquanto Raquel e Anderson caíram de 13% para 12%, Miguel subiu seu percentual. No primeiro levantamento do Ipespe, o ex-prefeito de Petrolina tinha 9%, depois foi para 10%, e agora está com 11%. Já Danilo e Marília não tiveram alteração em suas pontuações.

Baixa rejeição – outro dado revelado pelo Ipespe anima o candidato do União Brasil. Miguel Coelho tem um baixo percentual de rejeição (11%). Ele e Raquel Lyra são os menos rejeitados pelos eleitores pernambucanos. Anderson Ferreira é o campeão de rejeição, com 27% do eleitorado informando não votar nele de jeito nenhum. Danilo Cabral é rejeitado por 20%, em seguida aparece Marília Arraes (17%).

O levantamento do Ipespe ouviu 1 mil pernambucanos nos dias 23, 24 e 25 de setembro. A pesquisa tem intervalo de confiança de 95,45% e margem de erro estipulada em 3,2%.

  • Últimas Notícias

  • Vagas de Empego

  • Publicidade