Justiça decreta greve ilegal e manda professores voltarem ao trabalho em Aliança


wpid-img-20151019-wa0048

O desembargador Luiz Carlos de Barros Figueiredo, do Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE), determinou que os professores da rede municipal de ensino do município de Aliança encerrem a greve da categoria, iniciada no mês passado. O magistrado decretou a greve ilegal na tarde desta quinta-feira (5), e a decisão foi publicada no Diário da Justiça na edição desta sexta-feira (6), além disso, caso o SINDUPROM descumpra a determinação, o sindicato será multado em R$ 1 mil ao dia, depois de ser notificado.

Segundo o prefeito Kaká Bezerra, os professores estão com salários em dia. E que o movimento motivado por politicagem.

Com a decisão judicial, os educadores devem retornar nos próximos dias as salas de aula.

  • Últimas Notícias

  • Vagas de Empego

  • Publicidade