Novo reajuste do gás liquefeito  de petróleo (GLP, gás de cozinha) será entre 2,5% e 5%, confirma a Petrobras. A notícia pegou muita gente de surpresa já que é o segundo reajuste em 4 meses. Os novos valores começão a vigorar nesta sexta-feira (04).

O repasse ao preço final, porém é livre e dependente de estratégias de distribuidoras e revendedores. “Portanto, o Sindigás orienta o consumidor a pesquisar o preço final”, disse o sindicato. É o segundo aumento neste ano. No primeiro, em setembro, a alta foi de 12%.z

  • Últimas Notícias

  • Vagas de Empego

  • Publicidade