Aluno da ETE Carpina é aprovado em 1º lugar para Engenharia Elétrica da UPE

Diogo Darlyson estudava os sete dias da semana em busca do seu sonho


Diante do cenário em que estamos vivendo, concluir os estudos e entrar para universidade é uma grande conquista. Foi sempre acreditando nos seus sonhos que Diogo Darlyson, de 17 anos, conquistou o 1° lugar em Engenharia Elétrica no Sistema Seriado de Avaliação (SSA), da Universidade de Pernambuco (UPE). O jovem concluiu o curso de Rede de Computadores na Escola Técnica Estadual (ETE) Maria Eduarda Ramos de Barros, localizada no município de Carpina, e dedicou-se integralmente aos estudos. 

Dividir seu tempo entre aulas remotas e preparação para o SSA não foi fácil. Com todas as dificuldades vividas por todo estudante, Diogo não desistiu e colocou seus sonhos em primeiro lugar. Filho único, contou com o apoio da sua família e isso foi fundamental para sua jornada. “Meus pais e minha avó sempre me disseram pra estudar e me apoiaram na escolha do curso, sempre querendo o meu melhor”, disse. 

Para Maria Marta, mãe de Diogo, o filho é o seu orgulho. “Estou muito orgulhosa, confiei muito no potencial dele e quero que ele continue sempre estudando para ser alguém na vida”, declara. 

Morador de Araçoiaba, na Região Metropolitana do Recife (RMR), Diogo sempre sonhou em cursar uma faculdade, mas não planejava Engenharia Elétrica. Só que após o ingresso na ETE, ele pesquisou mais sobre o curso e resolveu que essa seria sua meta. “Fiz a prova da ETE pensando no meu futuro e tive a felicidade de conseguir passar. Antes de chegar lá (na ETE Maria Eduarda Ramos de Barros), eu já conhecia o seriado da UPE. Depois que entrei na ETE, meu foco voltou-se para ser aprovado no SSA”, explicou.  

Estudando sempre das 7h30 às 17h com aulas remotas, de segunda a sexta, Diogo também acrescentava atividades extras pós-aula e nos finais de semana, sempre com muita dedicação. “Minha rotina de estudos sempre foi um pouco puxada, mas eu sempre me dediquei, inclusive, muitas vezes eu ficava até tarde da noite estudando. Não era fácil, as vezes a internet caía, o computador travava, chegava alguém aqui em casa e eu tinha que atender, mas todo dia eu me esforçava para estudar assuntos que caíam tanto no SSA quanto no Enem”, disse Diogo, para completar: “De segunda a sexta eu estudava as matérias normais, no sábado eu estudava redação, e no domingo eu descansava ou fazia questões de simulado para completar”, disse o fera.

Para os estudantes que estão nessa jornada de estudos e aulas remotas, Diogo deixa seu recado. “Eu diria a eles que se dediquem ao máximo, que lutem pelo que querem, estudem e ao mesmo tempo saibam se distrair também, que sejam focados e que tenham em mente que sem sacrifício não há vitória”.

  • Últimas Notícias

  • Vagas de Empego

  • Publicidade