Jovem vê nas eleições 2020 oportunidade de renovar a política de Nazaré da Mata

Por Giro Mata Norte 06/06/2020 20:19 • Atualizado 06/06/2020
Compartilhe

O jovem e pré-candidato a vereador, Josian Jeremias da Silva, conhecido por “Preto de Jeremias”, vê nas eleições municipais deste ano a oportunidade para renovar e resgatar os reais valores da política e dos munícipes em Nazaré da Mata.

Aos 40 anos, Preto de Jeremias acredita que o novo, pautado na transparência e na vontade de fazer diferente em relação aos hábitos dos velhos nomes da política municipal, deverá mudar os caminhos traçados até então na cidade.

Servidor público, o pré-candidato viu nos estudos uma forma de construir um futuro melhor, onde, com muito esforço, conseguiu ser aprovado para Agente Penitenciário do Rio Grande do Norte, mas o desejo de ficar mais próximo da família e de sua cidade natal, Nazaré da Mata, conseguiu aprovação para o mesmo cargo no estado da Paraíba, alcançando o objetivo.

O pré-candidato é filho do ex-parlamentar Manoel Jeremias, que foi vereador entre os anos 2005 a 2008, onde sempre buscou a valorização cultural, inclusive Jeremias conseguiu revelar artistas da região, como Baixinho dos 8 baixos e o jovem Claudemir Forrozeiro, que hoje é sanfoneiro de Batista Lima.


“Precisamos de propostas novas, desbravar novos caminhos para a população prestigiar cada vez mais a cidade, seriedade e transparência, buscando por um mandato participativo. Chega de promessas impossíveis de cumprir, conchavos políticos, negociações por cargos e interesses pessoais” declarou o jovem, que já se coloca como pré-candidato a vereador no município.

Ainda, para Preto de Jeremias, as eleições 2020 servirão para renovar a classe política da cidade.

“Temos que ajudar os jovens a alcançar os seus objetivos, como alcancei, mas a classe política tem uma responsabilidade importante nesse resultado.Cobraremos do executivo tal ação”, disse o pré-candidato

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Mais do Giro Mata Norte