Corpo de idosa é sepultado, 48 dias depois de ter sido assassinada


Foto: Ednaldo Tavares// Giro Mata Norte

Foi sepultado, na tarde de hoje (14), o corpo da idosa, Maria Félix do Nascimento, 75 anos, que foi assassinada e em seguida teve o corpo carbonizado pelo autor do crime, ao lado da imagem de uma santa. A estátua ficou intacta.

O enterro ocorreu no Cemitério São Francisco de Assis, em Lagoa de Itaenga.

O caso bárbaro foi registrado, no dia 22 de outubro, na zona rural de Glória do Goitá. O autor do crime foi preso, dias depois.

O sepultamento aconteceu 48 dias depois da senhora ter sido assassinada. Problemas com exames de identificação atrapalharam a liberação do corpo da mulher. Um dos exames de DNA chegou a dar negativo.

O corpo foi liberado ás 10:30hs de hoje, pelo Instituto de Medicina Legal (IML). Os restos mortais seguiram diretamente para o cemitério, onde uma pequena cerimônia de despedida foi realizada por familiares e amigos.

  • Últimas Notícias

  • Vagas de Empego

  • Publicidade