Fábrica de FIAT será inaugurada nesta terça


jeep-renegado-brasileiroPernambuco se insere definitivamente no mapa mundial da indústria automotiva com a inauguração do Polo Automotivo Jeep, nesta terça-feira (28), às 10h, com a participação do governador Paulo Câmara. A fábrica de automóveis e seu parque de fornecedores integrado com 16 empresas representam o grande ponto de transformação da economia pernambucana. Até 2020, o Polo Automotivo responderá por 6,5% do PIB estadual e injetará R$ 2,1 bilhões na massa salarial do Estado, a partir da geração de 47,5 mil postos de trabalho diretos e indiretos. Do anúncio oficial, no final de 2010, até o corte da fita nesta terça, o Governo do Estado atuou fortemente para viabilizar o empreendimento.
 
A instalação do Polo Automotivo em Goiana é fruto de uma visão de futuro do Executivo Estadual, que enxergou a oportunidade de criar um novo vetor de desenvolvimento em Pernambuco, rumo à Zona da Mata Norte. Assim, em meados de 2011, a então fábrica Fiat no Complexo de Suape transferiu seu endereço para uma área que se mostrou ainda mais estratégica para os plano da Fiat Chrysler Automobiles (FCA). A nova localização propiciou redução nos custos e otimização dos prazos de terraplanagem e permitiu uma maior integração das operações, conferindo as vantagens logísticas que hoje são um dos pilares do Polo Automotivo Jeep.
 
O trabalho de qualificação profissional é outro destaque do projeto. O Governo de Pernambuco formatou, em parceria com a FCA e Senai, um amplo programa de formação de mão de obra local, preparando 8.500 trabalhadores sem nenhuma experiência com o setor industrial e jovens ainda no Ensino Médio para a nova realidade econômica da região. “O trabalho permitiu que durante as fases de construção civil, instalação de equipamentos e produção de veículos, em média, cerca de 80% dos profissionais com carteira assinada fossem pernambucanos”, destaca o secretário de Desenvolvimento Econômico, Thiago Norões.
 
Também foi articulada a oportunidade para que estudantes de engenharia de Pernambuco concluíssem sua graduação na Itália, obtendo dupla titulação em Engenharia Automotiva no Instituto Politécnico de Turim (Polito). Até 2014, vinte jovens foram selecionados e receberam bolsas custeadas pela Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco (Facepe). 
 
O cumprimento de todas as contrapartidas fiscais e de infraestrutura acertadas com a FCA atestam a capacidade do poder público estadual em planejar e executar obras e ações com agilidade, reforçando o ambiente sólido para novos investimentos que é o Estado de Pernambuco. De setembro de 2012, início das obras pela FCA, após entrega do terreno devidamente terraplanado, até abril de 2015, foram dois anos e sete meses recordes para instalação do mais moderno e eficiente Polo Automotivo do mundo.
 
A garantia do suprimento de energia elétrica sempre acima da necessidade do empreendimento, a finalização de todas as intervenções viárias e a pactuação dos benefícios fiscais, fizeram da jornada de implantação do Polo Automotivo Jeep prova da capacidade de diálogo entre governo e iniciativa privada em prol do desenvolvimento do estado.
 
CADEIA CONSOLIDADA – O Polo Automotivo Jeep é âncora de uma cadeia produtiva estruturadora que ganha cada vez mais força em Pernambuco. Além da unidade fabril, a FCA instalará no Recife um Centro de Pesquisa & Desenvolvimento global e, em Goiana, um Campo de Provas.
 
É importante ressaltar ainda que a TCA, fábrica localizada na cidade de Jaboatão dos Guararapes, que na década de 1960 produzia veículos da marca Jeep, pertence hoje à FCA e fabrica componentes automotivos, mais especificamente chicotes elétricos.
 
Em Glória de Goitá, Zona da Mata, a WHB Fundição, investiu R$ 110 milhões em uma unidade fabril e emprega 150 profissionais, para fabricar, inicialmente, peças automotivas para motores, transmissão, suspensão, freios, tais como blocos de motor, cabeçotes, caixa de câmbio, virabrequins e bielas.
 
Pernambuco se destaca ainda como hub de desembarque e distribuição de veículos a partir do Porto de Suape. Com um pátio veículos com capacidade de movimentação de 2 mil carros por mês, recebe unidades da Volkswagen e da General Motors. E, no último mês de fevereiro, o Governo do Estado anunciou a instalação de um Centro de Distribuição da Toyota, líder mundial de vendas no setor.
 
O empreendimento tem como endereço também o Porto de Suape e receberá um investimento de R$ 15 milhões, com a projeção de representar uma movimentação da economia de Pernambuco da ordem de R$ 2 bilhões ao ano.

  • Últimas Notícias

  • Vagas de Empego

  • Publicidade