Assassinato do vereador e radialista Jota Cândido completa 15 anos nesta quarta- feira (1°)

Por Giro Mata Norte 01/07/2020 07:36 • Atualizado 01/07/2020
Compartilhe

Assassinato do vereador e radialista Jota Cândido completa 15 anos nesta quarta- feira (1°)

O assassinato do vereador e radialista José Cândido de Amorim Filho, conhecido por “Jota Cândido” completa 15 anos nesta quarta-feira (1°).

Jota Cândido foi assassinado em 1 de julho de 2005 quando chegava em uma emissora de rádio, onde trabalhava em Carpina, quando sofreu 20 disparos de arma de fogo.

Ao escapar do primeiro atentado, há 40 dias do assassinato ,o vereador e radialista chegou a afirmar que a tentativa de homicídio havia partido de pessoas ligadas à Prefeitura.

O projeto antinepotismo proposto por Jota Cândido proibia a contratação de parentes em até terceiro grau na Prefeitura  e na Câmara Municipal de Carpina.

Para a Polícia Civil, o autor intelectual do crime foi o PM Luiz André de Carvalho, também conhecido como Cabo André, chefe da Guarda Municipal de Carpina à época.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Mais do Giro Mata Norte