Policiais militares são excluídos da corporação, em Pernambuco

Por Giro Mata Norte 13/04/2021 11:07 • Atualizado 13/04/2021
Compartilhe

Foram publicadas na edição do Diário Oficial do Estado de Pernambuco, no dia 10 de abril, a exclusão de três policiais militares da corporação, cujas portarias foram assinadas pelo secretário Antônio de Pádua.

Dois sargentos e um cabo foram excluídos por decisão da Secretaria de Defesa Social (SDS), cujas investigações foram conduzidas pela Corregedoria.

Entre os excluídos, está um 1º sargento PM , acusado de usar faca para ameaçar a esposa, em 02 de setembro de 2018.

Nos autos do processo consta ainda que o PM “habitualmente” assistia a filmes pornográficos e se masturbava na presença dos filhos, que eram crianças e adolescentes.

Além de ser excluído da corporação, o policial também foi condenado, na esfera criminal, a cinco anos de prisão e mais dois anos e dois meses de detenção pela Vara de Violência Doméstica e Familiar Contra a Mulher de Igarassu.

Também foi excluído um 3° sargento PM , onde de acordo com as investigações , no dia 1° de junho de 2019, na Rua Princesa Izabel, em Garanhuns, agreste do Estado, assassinou a tiros um homem.

Outro PM excluído, foi um cabo que foi preso em flagrante em um crime ocorrido em abril de 2019, na rodovia BR 408, em Paudalho.O PM foi acusado da prática do crime de roubo de cargas de carnes bovinas.

Além da punição na esfera administrativa, o PM também responde a processo criminal.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Mais do Giro Mata Norte