Polícia Federal realiza operação em Carpina e Tracunhaém contra suspeitos de extração ilegal de areia


A Polícia Federal realizou na manhã desta nesta sexta-feira (25) a operação uma operação Grão de Areia contra suspeitos de extrair ilegalmente areia no estado da Paraíba.

Os alvos são de Carpina e Tracunhaém, onde foram cumpridos três mandados de busca e apreensão.

A operação “Grão de Areia” investiga um esquema em que donos de areeiros clandestinos extraiam e vendiam areia, deixando a área completamente degradada.

Os suspeitos agiam em Pedras de Fogo, na Paraíba, município que faz divisa com Pernambuco.

Os investigados são suspeitos de não pagar taxas e impostos sobre a areia extraída, além de não terem autorização específica da Agência Nacional de Mineração e do órgão ambiental estadual.

Além dos donos dos areeiros e operadores de máquinas, os motoristas das caçambas podem ser indiciados por usurpação de matéria-prima da União e crime ambiental, informou a PF.

Com a apreensão de documentos e outros materiais nesta sexta-feira (25), os investigadores apuram a possibilidade de os suspeitos terem cometidos outros crimes, como falsidade ideológica, associação criminosa e lavagem de dinheiro.

A investigação é comandada pela Superintendência de Polícia Federal da Paraíba.

  • Últimas Notícias

  • Vagas de Empego

  • Publicidade