“Vamos atuar para que os gestores pernambucanos enfrentem a pandemia com as ferramentas necessárias”, destaca Antonio Coelho


Em discurso proferido, nesta terça (12), durante a Reunião Plenária para instalação de período extraordinário na Assembleia Legislativa, o deputado Antonio Coelho (DEM) destacou o compromisso e a responsabilidade do Parlamento estadual com o povo pernambucano. Por meio da autoconvocação, a Casa retoma os trabalhos para apreciar e votar projetos de decreto legislativo que prorrogam por mais 180 dias o estado de calamidade pública nos municípios e no Estado.

O líder da Oposição reforça que o instrumento jurídico da prorrogação do estado de calamidade pública é imprescindível para que o Estado e os gestores municipais possam ter mais celeridade para enfrentar essa potencial segunda onda da pandemia do coronavírus. “O governo e os municípios irão enfrentar despesas extraordinárias nas área da saúde, que são muito de difíceis de balizar de antemão. Então, precisamos dar, mais uma vez, os instrumentos de que tanto governo e municípios vão precisar para que possam enfrentar essa crise sanitária com todas as ferramentas necessárias”, pontuou o democrata.

Certo de que essa iniciativa renova o espírito de parceria entre o Parlamento, o Estado e os municípios, Antonio Coelho reitera que a Alepe, exercendo seu papel de fiscalizador, vai ajudar a garantir a devida aplicação dos recursos públicos a fim de que possam ser utilizados no combate à pandemia da Covid-19. “E dessa forma possamos vencer de uma vez por todas esse imenso desafio que é o coronavírus”, concluiu o democrata, demonstrando ter confiança de que 2021 será um ano de esperança e no qual o Brasil se reencontrará com o desenvolvimento econômico.

  • Últimas Notícias

  • Vagas de Empego

  • Publicidade