Paulo: “Vamos realizar o sonho de Eduardo e fazer um Brasil melhor”


Gov. Paulo Câmara 2O governador Paulo Câmara conclamou, nesta segunda-feira (10), o País a realizar o “sonho de Eduardo Campos”. “Vamos fazer um Brasil melhor. O Brasil depende de nós. Nós podemos, sim, ajudar o Brasil nesse momento tão difícil; transformá-lo em um País cada vez mais igual. Transformar esse País no que ele é: uma força estrondosa, um povo bonito, leal, do bem, que quer, cada vez mais, simplesmente, nascer, estudar, viver e ser feliz no seu País. Viva o Brasil, viva Pernambuco, viva Eduardo”, cravou o gestor, no ato suprapartidário em homenagem aos 50 anos de nascimento do ex-governador, no Arcádia Paço Alfândega.

De acordo com Paulo, “Eduardo está mais vivo do que nunca”. “Eduardo teve, com seu desaparecimento, a proeza de nos unir mais, de nos fazer ficarmos mais juntos, mais solidários. Isso tem feito a diferença para continuarmos com a cabeça erguida, com vontade de ver, viver e fazer aquilo que ele queria que nós fizéssemos”, pontuou.

O ato suprapartidário foi prestigiado por lideranças de todo o Brasil. Estavam presentes a ex-primeira-dama, Renata Campos, seus cinco filhos; a mãe e o irmão de Eduardo, Ana Arraes e Antônio Campos; os governadores Ricardo Coutinho (Paraíba), Geraldo Alckmin (São Paulo) e Rodrigo Rollemberg (Distrito Federal); os ex-candidatos à Presidência da República Aécio Neves e Marina Silva; o prefeito do Recife, Geraldo Julio; o ministro Jaques Wagner (Defesa); além de senadores, deputados, secretários, prefeitos, militantes e admiradores do ex-governador, falecido há quase um ano.

A ocasião também marcou o lançamento de o livro “Eduardo Campos – Os discursos do governador de Pernambuco de 2007 a 2014”, organizado pelo jornalista Evaldo Costa e produzido pela Fundação João Mangabeira; bem como outras homenagens.

O chefe do Executivo estadual aproveitou a ocasião para pedir às lideranças políticas,correligionários e admiradores do ex-governador que continuem “mais unidos, juntos e coesos para levar o ideal de Eduardo e seus compromissos com Pernambuco; trabalhando por aqueles que mais precisam, por um Pernambuco cada vez igual”. Diante dos presentes, o governador pernambucano ressaltou a responsabilidade de todos em “seguir o exemplo” de Eduardo.

Renata Campos e filhos recebendo o busto do Ex Gov. Eduardo CamposAo lado dos cinco filhos, a esposa do ex-governador, Renata Campos, emocionou a todos os presentes ao agradecer o apoio recebido ao longo desse último ano. “Foram muitas as demonstrações que tivemos de que não estávamos e não estamos sós. Demonstrações dos amigos, dos pernambucanos, dos brasileiros e também de estrangeiros. Se não fosse assim, teria sido insuportável viver esse ano. Meu carinhoso muito obrigado a todos”, disse.

Ao confessar o quão “doído” foi viver o primeiro Dia dos Pais e o cinquentenário de Eduardo sem a sua presença física, Renata Campos, destacou o valor do legado do marido e ex-governador. “Saber que sua vida, ideias, bandeiras e história nos trazem até aqui, nos mantêm unidos e vivos, é confortante. É um sinal da presença dele e da certeza que ele permanecerá vivo entre nós. Celebrar, junto com os amigos, a vida de Dudu, com tantas histórias e feitos para contar, nos anima e dá força para seguir adiante”.

  • Últimas Notícias

  • Vagas de Empego

  • Publicidade