Suspeito de assédio sexual é espancado e amarrado em poste por populares em Carpina

O acusado foi conduzido para a delegacia de plantão.


Um homem, que não teve a identidade revelada, foi detido suspeito de assédio sexual. O caso foi registrado, no último sábado (07), na cidade de Carpina.

O suspeito havia enviado, através de aplicativo de mensagens, teria assediado duas menores de idade. O acusado enviava mensagens libidinosas e realizava chamadas de vídeos, onde mostrava as genitálias. Em uma das mensagens o suspeito disse que seria “carinhoso, por ela ser virgem”. As mensagens não foram correspondidas pelas adolescentes.

Em um dos envios o suspeito disse que iria até a residências das menores, onde teria relações sexuais com elas de qualquer jeito.

No sábado o suspeito foi visto em frente ao imóvel. A mãe das meninas gritou por ajuda aos vizinhos, que já estavam cientes do caso, que o perseguiram, espancaram e o amararam em um poste.

A PM foi acionada, detendo o suspeito, que devido aos ferimentos foi conduzido para a Unidade Mista Francisco de Assis Chateaubriand, onde recebeu atendimento médico, e em seguida encaminhado para a delegacia de plantão.

A Polícia Civil abriu um inquérito para acompanhar o caso.

  • Últimas Notícias

  • Vagas de Empego

  • Publicidade