Homem morre após ser baleado no peito em bar durante desentendimento com PM em Glória do Goitá

Por Giro Mata Norte 17/08/2020 07:53 • Atualizado 17/08/2020
Compartilhe

O jovem José Adelino Costa Júnior, de 22 anos de idade, morreu na noite deste sábado (15) após sofrer um disparo de arma de fogo em um bar, localizado na Rua Coronel José Antônio de Albuquerque, centro de Glória do Goitá.

O crime ocorreu no Total Bar, ambiente de trabalho do jovem, momento em que estava ocorrendo um show ao vivo.

De acordo com o amigo da vítima, em entrevista ao repórter Josildo Santos, na Rádio Naza FM, que foi arrolada como testemunha ocular, o jovem foi morto por um PM à paisana, frequentador do bar, por conta do encerramento da apresentação da atração.

De acordo com a testemunha, o proprietário do bar pediu  para Adelino informar a banda que era para encerrar o show, pois o horário não poderia excender, indo o rapaz em direção da banda, momento que o PM disse não aceitar, e  que a banda tinha que continuar o show.

Com o desentendimento, houve a deflagração de um tiro, que acertou o jovem no peito.

A vítima ainda foi socorrida, mas morreu ao dar entrada na unidade de saúde.

Acusado

O policial militar Isaías Araújo Leite, de 26 anos de idade, lotado no 21º BPM, se apresentou na Delegacia de Plantão de Vitória de Santo Antão, neste domingo (16), acompanhado dos seus advogados, alegando legítima defesa.

Protesto

Nesta terça-feira (18) haverá um protesto pelas ruas do município de Glória do Goitá por pedido de justiça pela morte de José Adelino Costa Júnior.

Sepultamento

Uma multidão se fez presente na tarde deste domingo (17) pelas ruas de Glória de Goitá acompanhando o cortejo e sepultamento de José Adelino.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Mais do Giro Mata Norte