Áureo Cisneiros volta ao comando do Sindicato dos Policiais Civis de Pernambuco

Por Giro Mata Norte 21/10/2023 15:56 • Atualizado 21/10/2023
Compartilhe

Áureo Cisneiros vence a maior eleição da história do Sindicato dos Polícias Civis de Pernambuco (SINPOL).

Foram quatro chapas registradas e quase 3 mil policiais votantes. A chapa 4, a de Áureo, obteve 1362 votos; Chapa 1, a segunda colocada, recebeu 481 votos; A chapa 3, recebeu 467 votos e a chapa 2 obteve 330 votos. A eleição do SINPOL foi realizada nos dias 17 e 18 de outubro e foi acompanhada de perto pelo MPT e comissão eleitoral divulgou, na madrugada desse sábado (21), o resultado.

É a terceira vez que Cisneiros presidirá o SINPOL. “Voltei sendo porta-voz de um recado da categoria ao governo: Queremos valorização! Se existe R$ 1 bilhão para investimentos na segurança pública, se existem investimentos do governo federal, por que a governadora não valoriza os policiais civis?”, questiona.

Em 2021, Áureo Cisneiros tinha sido afastado da Polícia Civil pelo ex-governador Paulo Câmara depois de denunciar, enquanto sindicalista, baixos salários, a falta de efetivo e as péssimas condições de trabalho dos policiais civis no estado, além de apontar inúmeras falhas no Pacto Pela Vida.

Depois de uma longa batalha judicial, o novo presidente do SINPOL foi reintegrado, agora em 2023, por decisão do STJ.

“Fui o primeiro sindicalista demitido por um governo estadual por exercer atividade sindical desde a redemocratização.Mas mesmo assim continuei na luta por minha categoria e tinha certeza que a justiça seria feita”, afirma.

A chapa de Áureo foi eleita prometendo o fortalecimento do SINPOL, a união da categoria e uma grande campanha salarial.” O SINPOL voltará a ter voz ativa. Não dá mais para aceitar que uma das melhores polícias civis do país receba um dos piores salários. A nossa energia será destinada 100% aos policiais civis e a luta por uma segurança pública garantidora de paz social”.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Mais do Giro Mata Norte