Uso de máscara em ambientes fechados nas escolas começa a ser flexibilizado


A partir desta quinta-feira (18), o uso de máscaras em ambientes fechados nas escolas deixa de ser obrigatório e passa a ser recomendado. Inicialmente, a medida passa a valer para os estudantes e profissionais da educação do Ensino Médio. A recomendação vale tanto para as escolas da rede privada quanto para a rede pública.

No ensino Infantil até o Ensino Fundamental, o uso segue obrigatório. “Seguiremos acompanhando os boletins epidemiológicos e fazendo avanços de forma gradativa nesta recomendação”, afirma o secretário de Educação e Esportes de Pernambuco, Marcelo Barros. A rede estadual de ensino conta, atualmente, com 317.637 estudantes no Ensino Médio.

Segundo dados da Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE), o Estado vem registrando, nas últimas semanas, redução nos casos de síndrome respiratória aguda grave (Srag) e também de internamentos nesta faixa etária. Entre os casos de Srag notificados e positivos para Covid-19, Pernambuco vem registrando nas duas últimas semanas epidemiológicas o menor patamar do ano – foram notificados 287 casos na semana epidemiológica (SE) 31 (31/07 a 06/08) e 303 na SE 32 (07 a 13/08), com 26 e 23 positivos para o novo coronavírus, respectivamente. Já a taxa de positividade para a Covid está em 2,5% no Estado.

Importante ressaltar que, desde março, o uso de máscara foi flexibilizado em ambientes abertos, incluindo áreas comuns das escolas.

“Apesar da queda nos casos de Covid-19 em Pernambuco, precisamos reforçar a importância da vacinação contra a doença, inclusive a imunização dos nossos jovens. Somente com o avanço da vacinação,  em todas as faixas etárias elegíveis, vamos garantir um cenário sustentado de controle da doença” reforça o secretário estadual de Saúde, André Longo.

  • Últimas Notícias

  • Vagas de Empego

  • Publicidade