Túlio Gadêlha entra com representação para Ministério da Saúde repassar EPIs aos estados


O deputado federal Túlio Gadêlha (PDT-PE) entrou, nesta terça-feira (24), com representação, junto à Procuradoria-Geral da República (PGR), cobrando ao Ministério da Saúde o envio de Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) para os profissionais de saúde atuantes em todos estados no combate à pandemia do coronavírus (Covid-19). A falta de equipamentos e insumos hospitalares têm precarizado o trabalho dos profissionais.

Estes equipamentos são necessários para garantir a proteção dos profissionais de saúde, assim como dos pacientes e familiares acompanhantes. “Os EPIs são de grande importância para o controle do avanço da pandemia, tendo em vista que além de proteger as equipes, garantindo aos profissionais de saúde dignidade nas suas condições de trabalho, também asseguram a saúde dos pacientes, pois evitam que um médico contaminado e assintomático os contagie”, pontua.

A imprensa vem expondo há semanas a falta de equipamentos de proteção individual e insumos essenciais – como máscaras, luvas de procedimento, sabonetes, preparação alcoólica, dentre outros – em hospitais públicos e Unidades Básicas de Saúde. Há relatos de falta de insumos e EPIs em, ao menos, quatro estados – Pernambuco, Ceará, Rio de Janeiro e Distrito Federal -, o que sinaliza a necessidade de ajuda da União – com base no parágrafo único do artigo 16 da Lei nº 8.080/90 – para evitar que a crise epidemiológica e sanitária se alastre ainda mais no país.

  • Últimas Notícias

  • Vagas de Empego

  • Publicidade