Pernambuco terá o reforço de 750 soldados da Polícia Militar no início de 2022


Pernambuco contará, já no próximo ano, com o reforço de 750 soldados da Polícia Militar aprovados no concurso público realizado em 2018. Por videoconferência, o governador Paulo Câmara (PSB-PE) participou, na manhã desta quarta-feira (28), da abertura da aula inaugural da turma do Curso de Formação e Habilitação de Praças (CFHP 2021). 

A conclusão do curso irá reforçar a atuação da Polícia Militar de Pernambuco (PMPE), em janeiro de 2022.

Câmara acredita que a Polícia Militar tem história e, acima de tudo, o reconhecimento pelo trabalho.

“São quase duzentos anos de uma instituição que busca se aperfeiçoar e está permanentemente se reinventando e fazendo o que precisa ser feito. Teremos novos soldados ingressando na corporação, que vão ajudar nosso Estado a superar os desafios, o enfrentamento à pandemia e o combate à atividades criminosa”, destacou Paulo Câmara.

Serão 1.074 horas-aula, com 46 disciplinas no CFHP 2021. A formação acontece sob a supervisão do Campus de Ensino Metropolitano I (CEMET I), da Academia Integrada de Defesa Social (Acides) e da Diretoria de Ensino, Instrução e Pesquisa da PMPE. Esta será a última etapa do concurso, e os aprovados passarão a atuar no policiamento em todo o Estado.

O secretário de Defesa Social do Estado, Humberto Freire, será possível a realização de um Carnaval seguro, desde que a situação de saúde pública no estado tenha se estabilizado, com o reforço dos 750 novos soldados.

“A segurança pública segue avançando e fortalecendo sua atuação. Iniciamos o curso de soldados para dar mais musculatura ao trabalho ostensivo da Polícia Militar. Um desafio grande pois, devido à preparação sanitária, tivemos de dividir 750 alunos em 40 turmas, garantindo o distanciamento. Se o panorama de saúde pública permitir a realização do Carnaval no ano que vem, teremos o incremento nas ruas de policiais bem preparados e motivados para trabalhar nos polos e contribuir com o Pacto pela Vida”, declarou o secretário de Defesa Social do Estado.

Em agosto, a Academia Integrada de Defesa Social ativará os cursos de formação para 60 novos delegados de Polícia Civil, 50 médicos legistas e 45 auxiliares de perito, que integrarão a Polícia Científica. A conclusão dos três cursos está prevista para o fim deste ano. 

Participaram da cerimônia desta quarta-feira os secretários Cloves Benevides (Políticas de Prevenção à Violência e às Drogas), Carlos José (Casa Militar), José Flávio Morais (executivo da Casa Militar), Rinaldo Souza (executivo de Defesa Social), além do comandante da Polícia Militar de Pernambuco, coronel José Roberto de Santana.

  • Últimas Notícias

  • Vagas de Empego

  • Publicidade