Brasil busca o empate e mergulha Argentina na crise


622_68a11316-93a7-36b3-b390-ba62a3c81162Um empate saboroso para o Brasil e cruel para a Argentina. Foi assim o jogo desta sexta-feira, em Buenos Aires, pelas eliminatórias para a Copa do Mundo de 2018.

O 1 a 1 no Monumental de Nuñez não foi capaz de colocar a seleção brasileira entre os quatro primeiros da classificação (os que conseguem vaga diretamente). O time de Dunga (antes do fim de Peru x Paraguai) ocupa a quinta colocação (que dá direito a disputar um lugar no Mundial em repescagem), com quatro pontos. Mas teve sabor especial para quem saiu atrás, buscou o empate na casa do rival com um estádio lotado e segurou a pressão final mesmo com um jogador a menos: David Luiz foi expulso.

Já a Argentina continua em péssima fase. Sem Messi, Tevez e Aguero, o time completou seu terceiro jogo sem vitória. Com apenas um ponto, o time vai terminar a rodada, no melhor cenário, em oitavo lugar – o time tem apenas dois pontos. Cenário que pode acabar com a demissão do técnico Gerardo Martino, que na próxima rodada terá outra parada dura: a Colômbia.

Argentinos e brasileiros voltam a campo na próxima terça-feira, agora pela quarta rodada das eliminatórias. O time de Dunga recebe o Peru em Salvador, enquanto os comandados de Gerardo Martino viajam até Barranquilla para enfrentar a Colômbia.

Informações da Folha PE

  • Últimas Notícias

  • Vagas de Empego

  • Publicidade