Avião que levava Marília Mendonça cai perto de cachoeira no interior de MG

O Corpo de Bombeiros informou, às 16h20, que as informações preliminares são de que a aeronave tinha duas pessoas dentro, o piloto e um passageiro, e que não houve vítimas fatais.


Um avião de pequeno porte caiu em uma área perto de uma cachoeira na serra de Caratinga, interior de Minas Gerais, nesta sexta-feira (5). A cantora Marília Mendonça estava no avião com mais duas pessoas, foi resgatada e está bem, segundo a assessoria da cantora.

O Corpo de Bombeiros informou, às 16h20, que as informações preliminares são de que a aeronave tinha duas pessoas dentro, o piloto e um passageiro, e que não houve vítimas fatais. O local, na zona rural de Caratinga, é de difícil acesso e os bombeiros ainda não haviam chegado ao local até as 16h25.

Há forte cheiro de combustível no local, segundo relatos.

A aeronave é um bimotor Beech Aircraft, da PEC Táxi Aéreo, de Goiás, prefixo PT-ONJ, com capacidade para seis passageiros.

Um hospital de Caratinga disse às 16h30 à reportagem que, até esse momento, ninguém havia sido socorrido para o local.

Esta reportagem está em atualização.

G1

  • Últimas Notícias

  • Vagas de Empego

  • Publicidade