Ganhe o Mundo embarca primeiro grupo de alunos da edição 2015


3W3H4858RETRATISTA - ROBERTO PEREIRA“Eu nunca tive essa oportunidade e sempre quis ter. O Governo de Pernambuco está dando uma chance aos alunos da rede pública estadual que se dedicaram. Esses jovens vão saber que todos os seus esforços foram recompensados, provando que, com dedicação e foco, é possível realizar os sonhos”. A declaração do governador Paulo Câmara, após o embarque da primeira turma da edição 2015 do Ganhe o Mundo, traduz bem o espírito do programa, que assegura a estudantes de escola pública a possibilidade de trilhar um novo futuro, com novas experiências e oportunidades a partir de um intercâmbio.
 
Composto por 19 alunos, o grupo embarcou rumo a um período letivo de estudos no Uruguai. Trata-se da primeira turma que segue para o país da América do Sul em quatro anos de programa. O governador destacou a importância do intercâmbio para esses estudantes, que, além de voltarem mais seguros na prática do segundo idioma, estarão mais maduros depois da temporada longe de casa. “Jovens mais preparados terão mais condições de nos ajudar a desenvolver Pernambuco”, garante Paulo.
 
O programa, criado em 2011, na gestão do ex-governador Eduardo Campos, já transformou o destino de mais de 3,4 mil jovens pernambucanos. Na edição de 2015, 1.011 alunos terão a oportunidade de participar da iniciativa. Na próxima sexta-feira, o Ganhe o Mundo envia mais um grupo de 54 jovens para a Nova Zelândia.
 
Além de aprimorar um segundo idioma, os intercambistas vão desfrutar da cultura do país escolhido. Os selecionados têm todas as despesas pagas pelo Governo do Estado, desde a passagem aérea até a hospedagem em casas de família; matrícula em escola de ensino médio, seguro saúde, além de uma bolsa mensal de R$ 719 para eventuais despesas.
 
O governador salientou que o programa continuará a crescer no seu governo. “Os estudantes são selecionados pelo mérito, a partir de um bom desempenho escolar. Quero que eles voltem animados e aproveitem essa oportunidade única, pois não tenho dúvida que esse intercâmbio vai ajudar a transformar a realidade desses jovens”, assegurou Câmara, que, em janeiro, acompanhou o embarque de uma turma da edição 2014 do programa.
 
INSPIRAÇÃO –  Thamires Martins, 16 anos, que embarcou hoje, conta que a inspiração para se manter aplicada nos estudos veio da sua irmã, Victória Martins, 18, que, em janeiro, retornou de uma temporada de estudos na Espanha. “Quando ela foi selecionada eu vi que o programa era real e que eu podia me esforçar mais para conseguir”, pontuou Thamires. Com a mala repleta de lembranças, a jovem disse ainda que o seu futuro mudará. “A minha visão de mundo vai ser ampliada e melhorada, assim como vão se abrir novas oportunidades de trabalho”, completou.
 
Sobre a experiência no exterior, Victória Martins contou que foi algo ímpar para ela e para a família inteira. “Agora, eu me sinto mais segura e muito mais madura para tomar certas decisões na minha vida. No tempo que passei na Espanha, pude aprender mais da cultura européia e também crescer como pessoa. Desejo que Thamires aproveite; amplie os horizontes e se cuide”, aconselhou.  
 
Para o secretário estadual de Educação, Fred Amâncio, histórias como a das irmãs Thamires e Victória, residentes no município de Paulista, são muito comuns. Segundo o gestor, a influência do Ganhe o Mundo é tão forte que chega a transformar uma comunidade. “Os selecionados são motivo de orgulho para todos e o programa tem essa função de inspirar e provocar mais atitude no aluno da rede pública estadual”, ressaltou.

  • Últimas Notícias

  • Vagas de Empego

  • Publicidade