Prefeita de Surubim visita o TRE-PE para tratar sobre biometria no município

No encontro, a prefeita de Surubim apresentou várias questões para serem analisadas junto ao TRE-PE.


O presidente do Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco, desembargador Luiz Carlos Barros Figueiredo, a diretora-geral, Isabela Landim e o presidente da comissão de biometria, Eduardo Lucas receberam a prefeita de Surubim, Ana Célia Cabral e o deputado, Danilo Cabral para falar sobre o recadastramento biométrico na cidade de Surubim.

O município de Surubim tem 46.074 mil eleitores, desse total, 6.485 mil já foram atendidos, ou seja,15% do eleitorado. A biometria da cidade começou em fevereiro de 2017 e os números estão abaixo da média esperada. Surubim era para ter uma média e 4.000 atendimentos por semana .

No encontro, a prefeita de Surubim apresentou várias questões para serem analisadas junto ao TRE-PE. As questões são: o agendamento pela a internet que não está funcionando, o cartório de Surubim está sobrecarregado por eleitores da cidade de casinhas que também vão para fazer o recadastramento lá, e falta servidores qualificados. No entanto, o presidente da comissão de biometria, afirma que “No município de casinhas foi aberto um posto e com isso irá desafogar a cidade de Surubim”.

Então, ficou decidido na reunião que o Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco irá fazer um treinamento com professores readaptados do município para ajudarem no atendimento biométrico e motivá-los a ajudar a Justiça Eleitoral. Também vão dobrar o atendimento com 12 kits, porque só estão operando no momento, 6 kits. Outra ação para melhorar o atendimento é aumentar o horário de atendimento para ficar das 8 horas às 19 horas e mostrar a importância para população do recadastramento biométrico através de audiências públicas e spots de divulgação.

“É importante que as pessoas que forem indicadas, que de fato, estejam dispostas a aprender”, afirma o presidente do TRE-PE, Luiz Carlos Barros Figueiredo.

O agendamento deve ser realizado através do site Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco, através do link http://www.tre-pe.jus.br/eleitor/solicitar-agendamento. É necessário levar comprovante de residência, documento oficial com foto como; RG, Carteira de Habilitação, Carteira de Trabalho, Certidão de Reservista.

Caso o eleitor não compareça para o recadastramento terá seu título cancelado, e acarretará na restrição no CPF, perdendo benefícios de programas sociais como o Bolsa Família e não poderá fazer matrículas em instituições de ensino, nem obter passaporte ou assumir cargos públicos.

  • Últimas Notícias

  • Vagas de Empego

  • Publicidade

  • Black Friday