MPPE requer informações sobre condições da Barragem de Tiúma, em Timbaúba


O Ministério Público de Pernambuco, através da 1ª Promotoria de Justiça de Timbaúba, visando esclarecer à população sobre a situação estrutural da Barragem de Tiúma, que abastece o município, encaminhou no dia 11 deste mês, ofício a Compesa, a Confederação Nacional dos Municípios (CNM), a Agência Nacional das Águas (ANA), a Agência Pernambucana de Águas e Climas (APAC), a Secretaria Estadual de Infraestrutura e Recursos Hidrícos e a Secretaria Municipal do Meio Ambiente, solicitando-lhes, no prazo de 15 dias, informações sobre as condições de segurança do equipamento.  

O ofício pediu ainda, o envio de cópia de relatório técnico atestando a segurança estrutural da barragem no tocante a rompimentos. A eminente preocupação, que vem sendo apresentada pela população através das redes sociais, precisa ser descartada, segundo o promotor João Elias da Silva Filho. Ele acredita que, devido ao recente ocorrido em Brumadinho-MG, onde o rompimento de uma barragem deixou um rastro de mortes e destruição, é natural que a população se procure em assegurar-se de que não corre risco.

  • Últimas Notícias

  • Vagas de Empego

  • Publicidade