A Gestão Fiscal da Prefeitura de Cumaru, no agreste pernambucano, referente ao exercício de 2015, foi rejeitada pelos conselheiros da Primeira Câmara do Tribunal de Contas do Estado de Pernambuco (TCE), durante sessão ordinária, realizada na manhã deste terça-feira (05).

O relatório é referente ao penúltimo ano de gestão do ex-prefeito Eduardo Tabosa.

Os conselheiros ainda multaram o ex-gestor.

  • Últimas Notícias

  • Vagas de Empego

  • Publicidade

  • Black Friday