Mostra Sesc de Cinema faz exibição gratuita de filmes em Goiana

Entre os dias 6 e 8 de junho, o público poderá ver dez películas pernambucanas que compõem a etapa estadual do festival.


Tendo como missão valorizar o audiovisual brasileiro, dando espaço para a circulação de filmes que estão fora do circuito comercial, chega a Goiana na próxima semana a etapa estadual da Mostra Sesc de Cinema. Entre os dias 6 e 8 de junho, serão exibidas gratuitamente no Sesc Ler da cidade dez películas pernambucanas que compõem a programação do festival nacional para o biênio 2017/2018.

Nos três dias, a sessão acontece a partir das 15h. Dos dez filmes a serem exibidos, são oito curtas-metragens e dois longas. “A Mostra é uma excelente oportunidade de as pessoas conhecerem o que está sendo produzido de audiovisual no seu estado e no país. É a nossa arte na tela, que fala muito não só da nossa sociedade como de nós mesmos”, ressalta a instrutora de Atividades Artísticas do Sesc e coordenadora do projeto em Pernambuco, Naruna Freitas.

A programação tem início na quarta-feira (06) com o curta “Não tem só mandacaru”, documentário dirigido por Tauana Uchôa que mostra a riqueza cultural nordestina destacando a obra dos poetas de São José do Egito, no Sertão do estado. Depois, vem o curta Tarja Preta (Márcio Farias) e o longa “O Gigantesco Ímã” (Petrônio Lorena e Tiago Scorza).

Já na quinta (07/06), um dos destaques é o curta “Mata Norte”. Com direção de Tuca Siqueira, o documentário aborda os impactos da industrialização em Goiana, provocada pela Fábrica da Jeep, no cotidiano dos moradores. Em seguida, é a vez de “Nanã” (curta de Rafael Amorim) e “Modo de Produção” (longa de Dea Ferraz). Por fim, na sexta (08/06), serão exibidos mais quatro curtas: “Fantasia de Índio” (Manuela Andrade), “Os filmes que moram em mim” (Caio Sales), “Frequências” (Adalberto Oliveira) e “Kibe Lanches” (Alexandre Figueirôa).

Mostra – Entre os dias 5 e 8 de junho, a Mostra Sesc de Cinema passa por Pernambuco, oferecendo sessões gratuitas. Além de Goiana, recebem as exibições as cidades de Caruaru, Garanhuns, Arcoverde, Petrolina e Triunfo. Criado com o objetivo de incentivar a produção cinematográfica brasileira, o festival é dividido nas etapas regional e nacional e já está na segunda edição. No segundo semestre, alguns dos filmes selecionados vão circular por todo o país, sendo exibidos nas unidades do Sesc de todos os estados.

Sesc – O Serviço Social do Comércio (Sesc) foi criado em 1946. Em Pernambuco, iniciou suas atividades em 1947. Oferece para os funcionários do comércio de bens, serviços e turismo, bem como para o público geral, a preços módicos ou gratuitamente, atividades nas áreas de educação, saúde, cultura, recreação, esporte, turismo e assistência social. Atualmente, existem 19 unidades do Sesc do Litoral ao Sertão do estado, incluindo dois hotéis, em Garanhuns e Triunfo. Essas unidades dispõem de escolas, equipamentos culturais (como teatros e galerias de arte), restaurantes, academias, quadras poliesportivas, campos de futebol, entre outros espaços e projetos. Para conhecer cada unidade, os projetos ou acessar a programação do mês do Sesc em Pernambuco, basta acessar www.sescpe.org.br.

Serviço – Mostra Sesc de Cinema

Local: Sesc Ler Goiana, Rua do Arame, s/n, Centro

Datas: 5, 6 e 7 de junho

Horário: 15h

Entrada gratuita

Programação

05/06 – “Não tem só mandacaru” (Tauana Ribeiro)

“Tarja Preta” (Márcio Farias)

“O Gigantesco Ímã” (Petrônio Lorena e Tiago Scorza)

06/06 – “Mata Norte” (Tuca Siqueira)

“Nanã” (Rafael Amorim)

“Modo de Produção” (Dea Ferraz)

07/06 – “Fantasia de Índio” (Manuela Andrade)

“Os filmes que moram em mim” (Caio Sales)

“Frequências” (Adalberto Oliveira)

“Kibe Lanches” (Alexandre Figueirôa)

  • Últimas Notícias

  • Vagas de Empego

  • Publicidade

  • Black Friday